Dicas da Ilha Esmeralda dadas por um grupo de mulheres queridas

Tirando a habilitação irlandesa

Tirando a habilitação irlandesa

Tirar habilitação na Irlanda não é um bicho de sete cabeças, como muita gente pensa.

O desafio maior pode ser o idioma, para quem não tem fluência no inglês, mas muita gente consegue passar na prova só com nível intermediário. É questão de estudar e praticar como deve-se dirigir por aqui, afinal quem já dirige há algum tempo já tem alguns vícios que podem atrapalhar. Algumas vezes será preciso “desaprender” para aprender um jeito diferente de dirigir – a começar pela mão inglesa!

O maior consolo para mim foi descobrir que não pedem a famigerada baliza no exame prático. Mesmo assim não foi um processo “piece of cake” não. Com certeza eu teria economizado um bocado de tempo e dinheiro se alguém tivesse me dado essas dicas mastigadinhas que vou passar agora para vocês.

Vamos às etapas para conseguir sua Irish Driving Licence! 🙂

1º. Estudar para o exame teórico

Custo médio estimado: € 22.00

Você estuda as leis de trânsito por POR CONTA PRÓPRIA e quando sentir-se preparado(a), é só pagar e agendar a data da prova.

Escolha estudar do jeito que funcionar melhor para o seu perfil e bolso: livro, CD, testes simulados online ou uma combinação de vários recursos. Eu estudei pelo livro de perguntas e respostas, fiz os simulados online e também usei um aplicativo de testes não oficial. Já meu marido preferiu estudar somente pelo simulado oficial, e ambos passamos na primeira na tentativa. Enfim, vale o que funciona para cada um.

Os livros podem ser comprados pela internet ou diretamente nas livrarias e existem várias opções deles e simulados, mas aqui vão alguns que servem de ponto de partida:

 

2º. Agendar a prova teórica

Custo: €45

Tudo que você precisa saber para agendar a prova está no site oficial do Driver Theory Test: http://www.theorytest.ie/driver-theory-test/schedule-test/

 

3º. Passar no exame teórico

Você precisa acertar 35 das 40 questões.

A prova dura 45 minutos e é feita em um computador no centro de testes. No dia da prova, você já fica sabendo o resultado e, ao passar, recebe um certificado chamado  Driver Theory Test Certificate para solicitar sua habilitação como aprendiz (a famosa Learner).

 

4º. Obter o Eyesight Report (exame de vista)

Custo estimado: €30

Basta agendar um exame de vista em alguma ótica ou clínico geral (aqui conhecido como GPGeneral Practicioner). Eles fazem um exame simples e preenchem o Eyesight Report Form. Quando for agendar, diga que precisa do “Drivers License Medical/Eyesight exam”.

Quem tem problemas sérios de saúde que impactem suas habilidades ao volante (como por exemplo, epilepsia), é preciso providenciar outro relatório emitido também pelo GP.

5º. Solicitar a habilitação como aprendiz (Learner Driver)

Custo: €35

Você deve ir pessoalmente a um posto do National Driver Licence Service (NDLS) portando os documentos listados no link https://www.ndls.ie/how-to-apply/learner-permit.html#first-time-learner-permit-application, para dar entrada no pedido da Learner Driver.

O atendimento é agendado online, mas também é possível ir sem agendar e contar com a sorte – pode ser que a sua vez chegue logo ou não. Veja mais detalhes aqui: https://www.ndls.ie/booking-service.html

Você encontra todas as informações necessárias no site da NDLS: https://www.ndls.ie

6º. Aguardar a habilitação de Learner

Dentre 5 a 10 dias você receberá a habilitação de Learner pelo correio e já pode seguir para a etapa seguinte.

Com esta habilitação, você já pode dirigir pela cidade (mas nunca em rodovias) desde que tenha seguro (Car Insurance) em seu nome e esteja acompanhado de um motorista que já tenha habilitação completa há mais de 2 anos.

Nesta fase como Learner Driver, quando você dirigir, o carro deve ter um adesivo com a letra L em vermelho nos vidros dianteiros e traseiros.

7º. Fazer as 12 aulas práticas obrigatórias

Custo estimado: € 365

Procure  uma auto-escola ou instrutor autônomo credenciado para começar as aulas – o Essential Driver Training (EDT). O valor pode variar, mas em média as aulas avulsas custam cerca de €35 cada. Alguns instrutores podem oferecer pacotes de 12 aulas + o EDT LogBook por € 365 –  este valor foi o que paguei em Maio/2016 fechando com um instrutor autônomo na região sul de Dublin.

As aulas duram cerca de 1 hora cada, e os instrutores seguem o manual (EDT LogBook) contendo o que deve ser abordado em cada sessão. No final de cada aula, ele preenche o LogBook com comentários e pede para o aluno assinar. O instrutor também alimenta o sistema do departamento de trânsito informando o progresso das aulas. Somente ao término das 12 aulas o aluno consegue agendar a prova prática. Você pode acompanhar as atualizações online https://ccwdriver.rsa.ie/driver/driverlogin.aspx

Dica: alguns instrutores oferecem aulas intensivas para motoristas que já têm habilitação em outros países, como por exemplo, 2 dias com 6 horas de aula, ou 4 dias de 3 horas. Pergunte pela disponibilidade do instrutor para estes intensivos, porque não são todos que fazem isso. Se você quiser agilizar essa etapa, vale sempre perguntar, né?

Atualização: a partir de 21 de Janeiro de 2019, o motorista que já possui habilitação em outro país pode fazer 6 aulas obrigatórias ao invés de 12. Fonte: https://www.thejournal.ie/emigrants-driving-licence-ireland-4336641-Nov2018/

8º. Agendar a prova prática

Custo: € 85

Ao término das 12 aulas obrigatórias, assim que o instrutor atualizar o sistema, você já poderá agendar a prova prática. Este é o link direto para a página:

https://www.drivingtest.ie/ApplicantSelfScheduleTesting/Applicants/ApplicationSignIn.aspx

Um ponto importante é que você só pode fazer o exame prático se já tiverem passados 6 meses desde que sua habilitação como Learner foi emitida.  É possível agendar a prova antes de completar esse tempo, mas no dia do exame, o motorista deve assegurar-se de que sua habilitação como aprendiz tem mais de 6 meses.

Quem tem habilitação válida emitida em outro país pode entrar com um pedido de exceção e fazer o exame antes dos 6 meses. Aqui vão as dicas:

  • Enviar a habilitação original e um relatório emitido pelo DETRAN do seu Estado no Brasil para o endereço que informam neste link:  http://rsa.ie/RSA/Learner-Drivers/Safe-Driving1/6-Month-Rule/
  • O relatório emitido pelo DETRAN chama-se Certidão de Prontuário e pode ser obtido via internet na maioria dos DETRANs do Brasil – minha experiência com o DETRAN do Estado de São Paulo foi muito boa, fiz um cadastro e na hora é peguei o relatório.
  • Por garantia anexei uma carta (Modelo de Carta_Isenção 6 meses) e mandei a correspondência registrada.
  • Depois de uns 10 dias devolvem a habilitação brasileira pelo correio, junto com a carta de exceção para ser apresentada no dia do teste – Ah, lembre de ficar com cópia da habilitação brasileira antes de enviá-la pelo correio.

 

Algumas informações valiosas sobre o agendamento do teste:

 

  • Prepare-se para uma longa espera: os centros de testes geralmente têm a agenda lotada e o período mínimo para conseguir uma data é de 10 semanas. Dependendo do local, a espera é ainda maior.
  • Agendamento com data marcada x Agendamento em aberto: na hora de marcar a prova, há opção de deixar a data de agendamento em aberto, ou seja, ao invés de selecionar uma data específica porém muito distante, você fica numa fila de espera. Neste caso você não escolhe uma data, fica aguardando alguém do departamento de trânsito entrar em contato quando tiver desistência. Foi a opção que escolhi. Se preferir não ficar na ansiedade da espera por uma data indefinida, então a melhor opção pode ser escolher o dia, mesmo que seja para mais de 10 semanas. Vai de cada um.
  • Dica para agilizar o agendamento da prova: faça o agendamento no site sem escolher data específica (fila de espera) e vá pessoalmente ao centro de teste que você escolheu. Informe que está aguardando ser chamado e que gostaria de saber se há alguma vaga para os próximos dias. Se der sorte, pode haver disponibilidade para o próximo dia ou semana! Por que isso às vezes dá certo? Por que os atendentes só podem contactar as pessoas em espera se houver desistências no prazo de 10 dias entre a data de contato e a data da prova, ou seja, quando há desistência antes de 10 dias, eles não entram em contato e o examinador fica ocioso. Descobri isso na raça depois de 5 semanas esperando por um contato e ligando diariamente na central de atendimento. Eles sempre me davam a resposta padrão de que eu iria ser contactada quando tivesse desistência. Resolvi ir pessoalmente ao Test Center e foi aí que consegui uma vaga! O porém é que eu não teria tempo hábil para remarcar, caso precisasse. Teria que começar de novo o processo de agendamento, e obviamente pagar outra vez! Em resumo, para quem quer agilizar, vale ir pessoalmente ao Test Center depois de pagar e se cadastrar na “waiting list”.

9º. Passar no exame prático

Custo: vai depender se quiser fazer aulas de pré-teste

Parece óbvio, mas essa merece ser citada pois é a parte que, na minha opinião, gera mais estresse. Quando estava me preparando, resolvi fazer aulas de pré-teste e digo que foi um ótimo investimento, pois queria passar na primeira vez e acabar com a ansiedade. Negocie com seu instrutor para fazer as aulas pré-teste e quem sabe incluí-las no pacote que fechar com todas as aulas. Algumas auto-escolas cobram bem mais caro por aulas pré-teste avulsas, então vale negociar logo no início.

No pré-teste, o instrutor atua como se fosse um avaliador no dia da prova, tentando te direcionar pelo potencial percurso da prova – que é uma incógnita!-  nas imediações do Test Center que você escolheu. Ao final, ele informa quais foram seus pontos fortes e fracos e se teria passado ou não. No meu caso optei por 4 aulas extras, pois fui muito mal no primeiro pré-teste. Valeu o investimento, pois passei de primeira.

Vale dar uma olhada nestes links com informações sobre o teste prático :

A prova leva 40 minutos e quem não tem fluência no inglês pode até levar um intérprete, desde que não seja instrutor. Quem precisar de interprete deve avisar com antecedência.

A prova pode ser no seu carro, no do instrutor (que cobra uma taxa extra por isso) ou em carro alugado.

IMPORTANTE: se for alugar um carro para fazer o teste, lembre-se de avisar na locadora, pois o seguro de carros alugados não cobre o uso para testes de direção. Eles precisarão emitir um documento autorizando o uso do carro para esta finalidade. Mais um ponto: se você passar no teste com carro automático, só poderá dirigir carros automáticos. Isso constará na sua habilitação.

A manobra considerada mais “difícil” na prova é dar ré em uma esquina, que na minha opinião, é muito tranquila, se compararmos com a baliza – meu trauma, pois reprovei na primeira prova no Brasil por causa dela.

No final da prova o examinador te leva para a mesa dele e dá o veredito.

10º. Enfim, solicitar a Full Driver Licence!

Custo: € 55

Parabéns, você passou!

Vá novamente a um posto do National Driver Licence Service (NDLS), como expliquei no 5º. passo, para dar entrada na sua habilitação “Full”.

https://www.ndls.ie/how-to-apply.html#first-time-driving-licence

Você já pode trocar o adesivo do carro pela letra N (de “novice”) e dirigir feliz pelas ruas e rodovias da Ilha Esmeralda!

Por último, mas não menos importante.

As dicas aqui servem como base para quem precisa ter uma ideia de por onde começar, mas elas não são exaustivas. Lembre-se de ler com atenção as informações disponibilizadas nos sites oficiais.

  • RSA Road Safety Authority: equivalente ao DETRAN no Brasil, reúne todas as informações e links úteis sobre as regras de transito e afins.
  • NDLS National Driver Licence Service: é uma espécie de “Poupa Tempo” para assuntos relacionados a habilitação.
  • Site Oficial sobre o Teste Teórico: http://www.theorytest.ie/

 

Espero ter ajudado. Boa sorte!

Se você quiser saber sobre comprar um carro na Irlanda, leia este artigo. Para saber sobre seguros para carros, leia este outro.

 



10 thoughts on “Tirando a habilitação irlandesa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *